Tagged: brechó

Short

Eu pensei muito se deveria colocar essa roupa que usei aqui no blog, porque eu estava totalmente fora da minha zona de conforto.
Mas aí decidi colocar justamente por isso, porque se eu vivo falando aqui que devemos experimentar e não nos limitarmos pelo que dizem que a gente pode ou não pode fazer! Nada mais justo eu mostrar que também faço minhas experimentações.
Se tem uma parte que eu não curto muito no meu corpo, são as pernas. São muito grossas, tem muita celulite, e tudo fica muito mais acentuado por eu ser baixinha (tenho 1,62m).
Mas adoro shorts, e sempre procuro um que atenda minhas expectativas: que seja bonito, nem curto, nem comprido, e principalmente, que não aperte minhas pernas. Porque não tem coisa mais desagradável do que roupa apertando, e as lojas plus size tem uma mania idiota de achar que gorda só gosta de roupa marcando tudo, apertada, colada… Não!! Se a magra pode usar um shortinho que fica com a boca folgadinha na coxa, por que eu não posso também? Na minha opinião, roupa bonita é a que cai bem no seu corpo, e isso não quer dizer necessariamente que tudo tem que ficar torado no corpo. Bom senso!!

Bem, depois desse meu desabafo basiquete, deixa eu mostrar a roupa que usei:

20140505-110857.jpg

20140505-110934.jpg
Outra coisa que eu sempre tive muita vontade de usar era sapato fechado com short. Pode me chamar de louca, mas eu simplesmente tenho um bloqueio master pra fazer esse tipo de combinação, e eu vivo babando em looks assim!
E aí eu resolvi tomar coragem e usei a bermudinha com a open boot. Aliás, pra mim, o único tipo de bota que dá pra usar numa boa em Dendêland. É minha atual queridinha!

O short ainda não é do jeito que eu gostaria, mas me agradou! Ainda vou encontrar o que tem a modelagem que quero!
Agora, confesso que não sei se repetiria o look com a open boot… Ainda não superei o bloqueio! O que acham, funcionou?!

Serviço
Camiseta – Brechó Capricho à Toa
Short – Bivik na Josefine do Salvador Shopping
Open boot – Renner
Jaqueta – lojinha no subsolo do Shopping Santa Cruz em SP

Beijo!

tartan

O visú do dia foi um pouco mais arrumadinho, e tem menos fotos pra vocês, por causa da correria que foi o dia. Era um evento importante para uma pessoa da família, então eu tive que “me montar”, como se diz.

Mas, sinceramente, eu nem ligo: adoro me maquiar! Mesmo que, em alguns momentos, eu me sinta meio emperequetada demais…

IMG_2338

IMG_2341 IMG_2342

Esse sapato é meu xodó! É uma Melissa de uma coleção bem antiga da Vivienne Westwood. Amo tanto este modelo (chama-se Mary Jane), que tenho um par azul escuro, mas sempre senti falta de ter um preto, que vai com tudo, não é? Pois bem, não achava em lugar nenhum. Já tinha dado a causa como perdida, quando uma amiga de São Paulo anunciou que estava vendendo essa belezoca. Seminova, linda e cheirosinha! Nem acreditei quando vi! Era pra ser, ou não era?

A blusa divide opiniões, inclusive a minha: tem horas que acho que ela me deixa bem com uma cara de mulher de negócios, bem adulta. E tem horas que eu me sinto velha demais com ela. Nesse dia, fiquei com a primeira opinião, hehe!

Fato é que eu adoro essa estampa que me lembra um lindo tartan escocês!

CRÉDITOS:

Blusa – Brechó Capricho à Toa

Saia – Riachuelo (mais velha que a fome)

Sapato – Melissa

 

Bêjo!

Cinza e preto

Sabe quando a gente quer se vestir de acordo com as cores do dia? Pois é, aconteceu comigo. São Paulo amanheceu bem cinza, nublada, um friozinho gostoso, não resisti!

20130326-211319.jpg

20130326-211352.jpg
Esse foi o dia de bater perna pela cidade, resolver algumas coisas antes da mudança, então, quis vestir algo que fosse bem confortável. O que mais gosto nessa blusa é que ela é bem simples na parte da frente, e tem esse detalhe na parte de trás. Falando assim parece meio bobo até, mas, sabe quando a gente compra alguma roupa só por causa de um detalhe? Foi o caso dela.
Bem, depois de resolver algumas coisas pela rua, chegou a melhor parte do dia; fui a um salão que fazia tempo que eu queria conhecer: o Circus Hair!
Então, aproveitando que o cabelo estava praticamente implorando que eu o levasse para ser cortado por um profissional (hehe), lá fui eu! Olha, eu preciso dizer, me apaixonei pelo lugar! Além do pessoal ser super talentoso (fico babando no Instagram deles!), o lugar é incrível! Além da parte do salão, o lugar é puro entretenimento: mesa de DJ, sinuca, fliperama, lojinha de roupas super lindas, cerveja (+18 por favor!! Kkkk), tudo isso sem mencionar a decoração incrível do lugar, as penteadeiras coloridas que, se eu pudesse, botava no bolso e levava… Aloka!!!! Kkkkk

20130326-213349.jpg

20130326-213427.jpg
Cortei o cabelo com a Priscila, super linda e especializada em cortes curtinhos, talentosa e cheia de dicas para manter o cabelo estiloso e bem cuidado. Recomendo!

Quem estiver na cidade e estiver pensando em fazer alguma mudança no visual, recomendo demais o Circus Hair!

Algumas pessoas me perguntaram no Instagram (@babebang, segue lá!) qual era a cor do batom que estava usando, é o Forever Red da Maybelline, meu produtex bom, bonito e barato que tem cobertura matte e dura pra caramba!

Mapa da mina:
Legging – Givy
Blusa – Planter (comprado no Brechó Capricho à Toa)
Botas – Riachuelo
Bolsa – Adidas
Bijus – não lembro, sorry!

Beijo!

Desafio uma peça, cinco looks: camisa amarela

Olá? Tem alguém aí? Depois que várias semanazinhas de ausência, em plena véspera de aniversário do blog, dei as caras por aqui! Desculpem o hiatus sem avisar, aconteceram tantas coisas nos últimos tempos que acabaram tirando o meu foco daqui… Mas vamos lá!

O post de hoje trata de um assunto que, para algumas mulheres, é motivo de desespero. Sabe quando a gente olha, olha e olha para o armário e surta por achar que não tem nada para vestir? Ou quando a gente olha pra uma peça e tem preguiça de viver porque parece que você já a usou um milhão de vezes?

Exageros à parte, eu desafio qualquer mulher a levantar a mão e dizer que nunca passou por alguma dessas situações! Afinal, renovar o armário não é apenas sair comprando roupas novas por achar que não tem nada para usar, mas também reinventar tudo aquilo que você tem, e usar de uma forma diferente!

Sabe aquela blusa que você não aguenta mais combinar com aquela saia? E a sapatilha que já anda sozinha, quando você tem uma dezena de outras novinhas em folha, prontinhas para participar do rodízio? Então… Vamos otimizar esse armário, menina!

A peça que eu escolhi hoje foi uma camisa super colorida que comprei no Brechó Capricho à Toa. Já falei sobre minha experiência aqui!

montagem1A ideia aqui é fazer combinações das formas mais diferentes possíveis com ela, que por si só, é uma alegoria!

Look 1

montagem2Básica, não fosse pelas cores da camisa, certo? Errado! Repare o maxi-colar com a gola (quase) fechadinha, pra atualizar o visual?

***

Look 2

montagem3Ooooi, color block! Ooooi, trio cinto/bolsa/sapato?! Pois é, aquela combinação óbvia de acessórios andou saindo da geladeira da moda e deu as caras por aqui também. Dava pra trocar a bolsinha por uma toda dourada, ou tirar o cinto, as possibilidades são diversas, essa aqui foi só uma delas!

***

Look 3

montagem4Tá, aqui eu roubei um pouquinho e fiz um 2-em-1! De qual jeito fica melhor: com colete, ou sem colete?

***

Look 4

montagem5E misturar estampas, pode? Deve! A dica que eu dou é sempre deixar a combinação das estampas o mais discreta possível, porque a mistura delas por si só, já chama bastante atenção! Aqui o sapato ajudou bastante na missão!

***

Look 5

montagem6Eeeeeita, roubei de novo!! Ah, um cinto a mais ou a menos não vai deixar ninguém bravo, vai!? Então, pra vocês ficaria melhor de que jeito? Eu gosto da ideia do cinto marrom!

***

Saldo: 3 looks mais casuais, e 2 mais arrumadinhos, que vão muito bem no trabalho, obrigada!  Reparem que eu quase não variei acessórios, mas, fazendo isso, cada montagem fica mais única ainda! Espero que tenham gostado do desafio, eu adorei fazê-lo, assim eu descubro como montar looks completamente diferentes, e passo a olhar as roupas que tenho como se fossem novas!

Peço desculpas mais uma vez pelo sumidouro, e prometo que vou me esforçar mais pra deixar novidades mais frequentes por aqui, enquanto a vida não entra nos trilhos por completo, ok?

 

 

 

 

 

 

A louca do lenço

O post desta sexta-feira quase que não ia pro ar por falta de coragem! Huahuahua!
O look que eu resolvi trazer pra vocês na verdade foi uma piração minha de última hora para uma festa com os amigos. Sabe aquela situação que você traz na mala seu guarda-roupa INTEIRO, e você fica com a sensação de que não tem nada pra vestir? Pois é, acontece nas melhores famílias, minha gente! Fora que na noite que usei essa roupa estava um calor absurdo em Salvador, o que me deixava com vontade zero de vestir qualquer coisa que ~lembrasse~ calor.
Quis vestir uma saia bem fresquinha, mas não tinha. Que fiz eu? Transformei meu lenço que comprei no brechó em uma!

Bem, no dia eu amei o resultado, tanto pela aparência quanto pelo conforto. Só que, depois, lembrando da situação e do resultado, só conseguia pensar “gente, que louca!”…

Daí pensei que, se eu tive coragem pra usar, por que não postar aqui?

Vou deixar vocês livres pra atirarem flores ou pedras… Huahuahua!

20130118-181222.jpg

Bom, a minha dica para a sexta-feira com este look ~polêmico~ é que, não importa se uma peça de roupa é pra ser vestida de um jeito específico, a regra de ouro é usar o que for do jeito que te deixar mais confortável!

Alguém aí já tramou algo parecido pra vestir? Conta pra mim!

Beijo e bom final de semana!

Girls just wanna have fun!

Férias sem dúvida alguma são uma delícia, não só porque temos mais tempo livre pra fazer o que quisermos, mas também para nos vestirmos mais à vontade, não é mesmo? Principalmente no verão de Salvador, quando o calor e o sol castigam muito mais…

20130110-110845.jpg

Essa sandália é o meu mais novo xodó! Fazia tempo que eu procurava uma estilo gladiadora para chamar de minha, já que a antiga estourou de tanto que usei. Mas, quando eu vi esta, com tiras metalizadas, não pensei duas vezes e peguei! Adorei o acabamento, as tiras mais grossas não machucam os pés, é muito confortável e eu tenho usado bastante tanto para sair de dia quanto de noite!

O short foi um achado da loja plus size Palank, lá na Vila Mariana! As peças não são lá muito baratas, mas, os produtos são de boa qualidade, então vale a pena investir porque vai durar! Eu sempre quis ter um short boyfriend para chamar de meu, mas, pelo tamanho, nunca achei um para chamar de meu… Pois bem, ainda encontrei um com uma lavagem super diferente, adorei!

Soube até que a Palank estava fazendo bazar esta semana nos Jardns (e eu aqui em Salvador, hunf!), então, alô meninas de SP, corram pra fanpage deles!

A batinha foi comprada muito mais pela frase do que qualquer coisa… Afinal, a gente só quer se divertir! Cindy, um beijo!! <3 A bolsa ganhou cara nova com o lenço de oncinha H&M bapho que comprei no brechó Capricho à Toa! Sorry pela falta de detalhes nas fotos mas é que o boy magia tava sem saco pra fotografar no dia, e nas férias não rola sair pra cima e pra baixo de tripé a tiracolo, né?! Kkkkkk Mapa da mina:

Bata – Hering
Short – Palank
Lenço – H&M no brechó Capricho à Toa
Sandália – Picadilly na Riachuelo

Fluorescente

Muitas apostas para o verão a gente acaba nem dando muita trela, mas uma que com certeza eu amei e pretendo usar muiiiito é o Fluo, junto com os tons neons. Mesmo o tempo frio e cinzento não me impediu de já botar uma das minhas pecinhas chave pra andar… Olha só:

20121126-184149.jpg

(Preguiça define: mais um look quatroolho!)

Essa sandália foi um achado no Shopping Ibirapuera, na loja Az Calzature. A loja tem vários calçadinhos super lindos e por preços bem convidativos. Este aqui, por exemplo, custou R$35,00 e é mega confortável. Adoro esses achadinhos, gente, qual mulher não gosta? 😉 fica a dica!
Pra quem não quer investir pesado em peças desse tom, mas também não quer passar em brancas nuvens, a dica que eu dou é ir “pelas beiradas”. Não adianta comprar um vestido/saia/blusa nesses tons se no final das contas a peça vai ficar encostada porque não rola aquela coragem disposição pra usar, correto? Por isso, vale a pena contar com o apoio dos acessórios! Vai feliz nos brincos, pulseiras, colares… E sandálias, por que não?

Alguém mais reparou na combinação verde/rosa? Adoro!

Mapa da mina:

Vestido: Cris Barros para Riachuelo (beeem antigo!!)

Legging: A Morena

Sandálias: Az Calzature

Echarpe: Brechó Capricho à Toa

 

O título deste post me lembrou essa música:

Achadinhos no brechó

Lembram da minha experiência no brechó da semana passada? Hoje eu vou mostrar pra vocês alguns dos meus achadinhos que arrematei por lá!

Teve quase de tudo: lenços, calça jeans e social, batinhas, t-shirts, e até um tênis da Zara que eu esqueci de fotografar, sorry! 🙁

Não sei se cheguei a falar pra vocês, mas não só de roupas usadas vive um brechó: eu achei muita coisa por lá que tinham etiqueta da loja ainda, e trouxe algumas peças pra casa…

O post contando sobre a ida ao brechó deu o que falar! No Sábado voltei lá com uma amiga e várias atendentes me reconheceram e agradeceram pela postagem, até imprimiram o texto! Eu fiquei muito feliz por ter o trabalho reconhecido, além de cumprir um das muitas funções de ser blogueira, afinal, faço questão de trazer pra vocês tudo aquilo que acho pertinente, uma dica especial, com a maior quantidade de detalhes (e fotos!) possível!

Ah, e nessa até o marido saiu ganhando: 2 camisas sociais e um casaco impermeável que ok, ele só vai usar ano que vem!!! Esse calor tá impossível! 🙁

Não esqueçam de curtir a página do blog!

Uma tarde no brechó

Vocês já foram em algum brechó? Eu nã tinha ido em nenhum até ontem, depois de ficar mortinha de curiosidade pra visitar o Brechó Capricho à Toa, lá na Vila Madalena. Não me lembro como foi que ouvi falar desse brechó, mas assim que fui ver os achadinhos que a Nati fazia no brechó e botava no blog, babei tanto pelas peças quanto pelos preços!

E ontem fui lá conhecer o brechó com um desafio: será que eu ia encontrar roupas legais para gorditas?

Lá chegando já dá pra se ter uma noção de que o espaço é grandinho, só não imaginava que fosse TÃO grandinho assim! São 3 andares e mais 2 anexos de salas divididas por categorias como feminino (acessórios, saias, bermudas/calças, roupas de frio, vestidos, etc), masculino e infantil. Além de ter uma pequena área com pequenos objetos de decoração e mobília, mas que acabou não dando tempo de ir ver. 🙁

Aí lá fui eu na maior curiosidade de saber a qualidade e variedade das peças, porque é claro que, embora o brechó diga que seleciona cuidadosamente as peças, sempre rola aquela dúvida… Que nada!! Gente, além de tudo ser muito bem conservado (não vi nada faltando botão, manchado ou amarrotado, e olha que eu fucei bastante lá!), tem peça lá inclusive que é nova, com a etiqueta da loja! Arrasou!

Depois de garimpar uma sacola inteira (que, obviamente, era a parte 1 do processo! kkkkk), bateu aquela fomezinha e aí corri pro café pra recarregar as energias… Que brownie gostoso, gente… Estou viciada em cafezinhos! <3

É claro que para gorditas a oferta de peças é reduzida… Mas, pra quem chegou achando que não ia encontrar nem 3 coisas legais do meu tamanho (uso 48/50), duas sacolas cheias para entrar no provador até que não foi mal! Hehe!

Desculpem as fotos tremidas, sou uma pessoa nervosa!! kkkkk

Essas foram duas peças que acabei levando pra casa… Vale a dica pra avaliar o custo-benefício das peças: dependendo da marca, sendo de fast-shop, por exemplo, às vezes o valor não compensa, ok? Agora, essa batinha preta oversized nunquinha custaria menos de cem pratas em qualquer loja… Além dessas, comprei um jeans no-vo por R$15,00 e um tênis da Zara por R$29,00… Engraçado, minha primeira peça da Zara comprada em brechó! Haha! Até porque eu acho a loja bem carinha sendo que é uma loja de departamento ~mais chique~… #hatersgonnahate #classemédiasofre

Num outro post eu mostro as outras coisas que comprei por lá, mas já trago essa de lambuja que apareceu no meu Instagram ontem… Segue lá!

Esse lenço BAPHÔNICO é da H&M, custou R$29,00!

Depois dessa experiência no Brechó Capricho à Toa, sou totalmente a favor de renovar o armário com peças usadas ou até mesmo novas como essas. Além de ser um consumo consciente (afinal, estamos botando de volta na rua uma peça que ia ficar jogada pra sempre no closet de alguém…), os preços são bem acessíveis, inclusive pelas marcas lá expostas! Com certeza vale a visita!

Ah! o brechó tem TwitterFacebook e Tumblr!

Serviço:

Rua Heitor Penteado, 1096 – Casa 8 – Sumarezinho/Perdizes – São Paulo

2ª-feira: 10h30 às 18h30; 3ª-feira à sábado: 9h30 às 18h30

Telefones: 11 2137-5926 ou 11 3872-5926