Mulheres de peito!

Vamos falar a verdade? Toda menina sempre quis que o peito crescesse logo pra se sentir mulher! Algumas ensaiavam com o sutiã da mãe, pegou escondido o sutiã da irmã mais velha (e tomou maior bronca heuehueheu), até pagou o mico de colocar meia no sutiã e foi pega no flagra na escolinha!

Bem, traumas à parte, hoje a história é outra: umas com mais que outras, todas querem a comissão de frente bem trabalhada pra compor o visual. O problema é quando algumas lindas erram a mão na hora de arrumar o tão visado decote…

Se bem que a amiga Pam errou em tudo aí em cima, né? Enfim, choque anafilático devidamente aplicado, agora vamos aos DO’s e DONT’S do decote, tanto para as meninas “com moral” e “sem moral”, ok?

DECOTE EXAGERADO

Esse é um dos erros mais crassos, vamos combinar? Porque toda menina com peito grande sabe que deve abusar de decote em V e fugir de gola alta, mas aí tem aquela que exagera demais no derrière e aí já viu, né? Dica: o decote NÃO deve ir além da altura do bico do seio, senão fica vulgar. Tem coisa mais “agonia” que ficar vendo a curvinha de baixo do peito aparecendo no vestido? Esses decotes profundos, melhor deixar pras meninas com menos peito, mesmo!

Fora que, quando cair alguma coisa no chão, e a blusa for meio soltinha, já viu, né? #fail

 

SEIOS ESPREMIDOS

Ok gente, esse me dá fobia só de imaginar a situação! Tipo aquelas coisas de espartilhos esmagando as costelas e nossos lindinhos, vê só que coisa triste? Melhor optar por uma roupa que acomode melhor os seios, porque é a roupa que tem que caber em você, e não o contrário!

 

ZERO DECOTE

Tá, não é tão grave quanto um decote profundo, mas também é péssimo, gente… Já dizia a sabedoria popular, tudo o que o bonito, é pra se mostrar! huahua

Mas com bom senso, ok? Como havia dito antes, mulheres com comissão de frente avantajada devem preferir roupas com decote, senão acontece isso aí, ó… Até aparenta mais gorda, né verdade? #reflitam

Se ainda assim a vontade louca (ui!) de usar gola alta bater, prefira tons escuros, e se joga nos maxi-colares pra dar uma disfarçada, ok?

Próóóóximo!

 

SEM SUTIÃ

Olha, o caso é tão grave que eu tive que postar duas fotos desastrosas… A não ser que você esteja numa fase ultra master feminista E queira pagar peitinhos linda e serelepe, né? LiLo a gente te ama, mas este vestidón não favoreceu, né? Gente, mesmo quem tem pouco peito, sutiã não serve só pra dar sustentação, e sim pra proteger o peito de certas situações constrangedoras, tipo aquele ventinho frio que te arrepia o braço, e consequentemente o farol acende? Nem vou comentar de transparências e afins que fica óbvio, né? Eu mesma sou fã de carteirinha de sutiãs de bojo, acho que arruma melhor o peito, e é à prova de farol!! auhahauhauahua

 

ALÇAS FINAS

Esse eu tenho que confessar que faço/uso… Alças finas marcam a pele, dividem as gordurinhas (alô, gordinhas!), e deixam o visu meio caído, mesmo… Mas vamos combinar que sutiã de alça larga, só minha vó usa, gente! Se tivéssemos marcas bacanudas que fizesses sutiãs de alças mais larguinhas com modelos mais sexies, com certeza a gente tinha, né? Enquanto isso, vamos contrastando alça fina com blusa de alça larga, disfarçando como dá, folgando mais o sutiã… Por aí vai!

 

SUTIÃ MENOR QUE OS SEIOS

E aqui, como não lembrar da famosa-por-15-minutos Larissa Riquelme, néah? Acho que ela representa bem o que eu estou querendo dizer pra vocês…

**

Meninas, independente do corpo que cada uma tenha, gordinha ou magrinha, peituda ou lisinha, o importante é usar aquilo que te deixa confortável, mas sempre de olho no bom senso pelamooor porque uma imagem vale mais que mil palavras, e se você quer causar uma boa impressão, FOCO!!! rs

Agora, se o negócio é mandar um f$%#%¨&* pra o mundo, enfia logo o pé na jaca e vai ser feliz, né? huahauhahuahua

É isso meninas, sorry pela demora de postar!

Beeeijo! 😉

 

 

 

 

Meu mais novo dilema: ombré hair

Eu não chego a ser uma metamorfose ambulante capilar (metira!!! amo mudar o tempo todo e vivo arrumando pretexto pra isso!!! mwahahahahahahhaah), mas vocês acompanharam aqui a minha última mudança mais drástica da cabeleira, né?

Pois muito bem, estou aqui na minha luta firme e forte para deixar o cabelo crescer, me segurando pra não voltar a pintar de preto, fazer mechas rosas ou verdes ou violetas (!!!), meu cabelo tá cada vez mais bem tratado e bem cuidado, graças aos produtos que venho usando nele (e vou ficando falida nessa brincadeira….), as pessoas têm elogiado muito, e isso tem me mantido afastada das químicas. #rehab

Mas depois dessa febre de ombré hair, não sei, tá me dando uma vontade louca e insana de fazer…

Ombré who????

Calma! Pra quem não conhece o termo, ombré hair (fala-se ombrê porque é french inspired :P) consiste em você fazer o clareamento gradativo das madeiras, deixando as raízes mais escuras, e fazer um degradê até as pontas. É como se você tivesse deixado de retocar as raízes e o cabelo foi crescendo, crescendo… O efeito é bem marcado, e o visual fica bem ousado…

Olha só quem é (obviamente) a minha musa inspiradora do ombré hair: Drew Barrymore!

Agora digam se eu não tenho razão de querer pra toda a vida um cabelo assim, gente? <3

E olha que eu sempre tive aversão genuína por ficar loira, admito pagar a língua!!!!

 

Tá, então qual é a das tais mechas californianas?

Ahá, boa pergunta! No início eu achava que é tudo a mesma coisa, mas nada disso, minha gente! A diferença está no comprimento da mecha. Enquanto o ombré tem por objetivo marcar bem as raízes escuras, as californianas tem a função de abrir a cor do cabelo sem no entanto fazer as tais “luzes”. É você pegar algumas mechas do cabelo e subir descolorindo, pra dar o efeito “queimadinho de sol”. E se a Drew é a rainha do ombré hair, a rainha consagrada a californiana é ninguém menos que: La Bündchen!

Tá bom Gi, você me fascina também, mas a créme de la créme no momento é o ombré hair, tsá? Sorry!

Esse estilo de clareamento dos cabelos é relativamente recente, do final de 2010 pra cá, e tem feito a cabeça (dã) de muita celebz mundinho afora…

Rachel Bilson

 

Jessica Biel

 

Alexa Chung-pega-de-surpresa

 

Sarah Jessica Parker (we love Carrie!!! <3)

 

Lauren Conrad

 

Meu cabelo está cortado em V, camadas e franjão, tudo bem “wavy”, estilo Farrah Fawcett‘s feelings… Quem me dera!!!!

Agora fica a enquete: faço ou não faço o tão falado ombré hair?

É vermelho ou é laranja?

Olá meninas!

Bem, estou aqui pra tirar uma dúvida com vocês: é vermelho ou é laranja?

Calma, eu explico… É que vocês tão sabendo que um dos hits deste verão é o batom laranja, que vocês andam vendo em tudo quanto é lugar por aí, certo? Não? Bom, de qualquer jeito, é um tom de batom super lindo e que dá pra fazer altos looks mega hypados! Quer ver só quem usa?

Lindos, né?

O site Eu Maquio fez uma seleção bapho desse tom que é a cara do verão:

1. Copper Coral – Estéer Lauder

2. Sci-fi – MAC

3. Aquarela 6 – Natura

4. My Beautiful Rocket – Lime Crime

5. Batom Laranja – Natura Una

6. Ultra Color Rich Nectar Ouro – Avon

7. Color Riche 461 – L’Oreal

8. Orange Magic – YSL

9. Coral Chiq – Contém 1g

10. Morange – MAC

Eu, que sou luca por batons, fiquei curiosa demais pra testar né? Mas como essa vida de MAC ainda não me pertence, me joguei num produtinho com valor mais amygho…

E tratei logo de fazer o test-drive, claro! Mas, quando usei, olhei, olhei, fui, voltei e não me decidi! Afinal: é vermelho ou é laranja?

Fiz duas fotos pra vocês darem opinião, ok?

E aí, gente? Ajuda eu aê!

Enquanto vocês decidem, peguei umas dicas básicas sobre essa cor!

Dicas para aplicar o batom laranja:

– Se a lábios grossos, escolha bege ou marrom para os olhos.

– Use blush em tons claros: terra e pêssego para essa estação.

-Não misture as cores. Se quiser aplicar gloss após o batom, aplique o transparente.

-O batom laranja fica bem com todos os tipos de acessórios prateados. No caso dos dourados, escolha tons mais claros e opacos e com pouco brilho.

É isso! Fiquem agora na dúvida, como eu! Ou não, né?

Beijos!

Au Revoir, McQueen!

É nem um pouco minha cara fazer um post sobre  missas e/ou eventos religiosos, mas este é um caso muito, muito especial. Ontem (19) foi a missa de homenagem a Alexander McQueen, na Catedral de St Paul’s, em Londres. O estilista suicidou-se em fevereiro deste ano em sua mansão e foi encontrado morto pela irmã, junto com uma carta de “farewell”.

Ui! Na missa compareceram familiares e as belas Stella McCartney, Sarah Jessica Parker, Naomi Campbell e a musa do McQueen, Kate Moss.

Mesmo no luto, as divas estão puro glamour e luxo né?  O  que é o visual da SJP? #amei

Alexander McQueen era queridinho de muitas famosas, inclusive da diva-mor-bizarra da atualidade, Lady Gaga.

Há tempos que eu queria fazer um post sobre o estilista, mas digamos que eu perdi o timing. Enfim, tem muita coisa pra falar sobre esse estilista controverso de estilo forte, gótico, rock ‘nd roll! Mas acho que imagens valem mais do que palavras, então… Só pra vocês sentirem a presença de McQueen:


É, Alex, sentiremos saudades… 🙁

Beijo!

Adele

Adele Laurie Blue Adkins é taurina de 5 de maio de 1988. Nascida em Tottenham, Londres, estourou na mídia em 2008 ao receber o BRIT Awards Critics’ Choice e foi nomeada talento-destaque de 2008 no BBC músicas e críticas anual, o Sound of 2008. Ela também foi nomeada a diversos Grammy Awards e ganhou 2  prêmios, Best New Artist e Best Female Pop Vocal Performance em 2009. Em 2010 Adele foi indicada no Grammy Award para  Melhor Performance Vocalista Pop por “Hometown Glory”.

Algumas fotos da mocinha:

Dona de  uma voz suave e de um estilo musical que, segundo ela mesmo costuma dizer, “a brokenheart soul”. Quando foi comparada com Duffy e Amy Winehouse, ela retrucou dizendo: “we’re a gender, not a genre”.

Dá pra ver que a mocinha tem personalidade, né? O rostinho angelical até que disfarça!

Por um tempo, Adele  teve alguns  problemas com bebida, e um  relacionamento conturbado com um namorado que a fez num dado momento até cancelar shows, logo no início da carreira – o que ela obviamente se arrependeu depois.

Uma de suas melhores músicas chama-se “Chasing Pavements”,  e foi escrita por Adele aos 16 anos. Eu sou suspeita, porque gosto de todo o album dela, o “19”. Ela planeja lançar seu segundo album em Janeiro de 2011.

Aqui algumas músicas dela que são lindas e que eu amo escutar em repeat:


E aqui um trecho da entrevista de quando ela ganhou os 2 prêmios 2009:

Fala sério, estou apaixonada pela música dela!

E vocês, gostaram?

Beijos!



There’s hope!

Frase hilária que acabei de ouvir no trabalho, que merece todo lugar de destaque aqui no blog, que é feito por uma mulher de verdade (tirando de tempo a brincadeira com “Amélia”), para um  público que é eminentemente composto por mulheres de verdade:

“Celulite pra mim é antiderrapante!”

Devo dizer que me orgulho! <3

There’s hope!!!

Imagens: We  <3 It.